quarta-feira, 31 de dezembro de 2008

Passagem de Ano

E para finalizar este belíssimo ano... "Se não quiseres aparecer bêbeda em casa dormes na minha". Não vou dizer a quem se dirigiu esta frase, como é óbvio!
A todos um ano 2009 em grande!

Último dia do ano...

Previsões para Caranguejo - JN 31 Dezembro

"Momento de lidar com situações de mais romantismo e diversão na vida a dois. As conquistas e declarações devem beneficiar os solteiros."
Quando se acaba o ano assim já nem se pede mais nada!


A todos um óptimo 2009!

terça-feira, 30 de dezembro de 2008

E no fim do ano...

« ...e pagas as favas
eu digo:"-enfim,ó meu rapazinho
sou tão má pra ti!
[Deolinda-Fado Toninho]
There's only two types of guys out there: ones that can hang with me, and ones that are scared.
So baby, I hope that you came prepared. I run a tight ship, so beware.

sábado, 27 de dezembro de 2008

Hi, Barbie! Hi, Ken!





Isto é tudo culpa da minha prima Mary Anne, que, no dia de Natal, me põe a ouvir Aqua e Vengaboys!
[Era ver-nos a cantar "You can touuuuuch, you can plaaaaay if you say I'm always youuurs! WOW I'm a Barbie girl in a barbie world...]

quinta-feira, 25 de dezembro de 2008

All I want for Christmas is youuu

Ainda venho a tempo de desejar um Feliz Natal cheio de alegria, paz, amor e muitas prendinhas (que são tão boas de receber!).


Foi tão bom ver o sorriso de satisfação da minha prima

quando viu que a prenda era da Hello Kitty...

quarta-feira, 24 de dezembro de 2008

Ho Ho Ho

Feliz Natal!
Muitas prendinhas, bolo-rei, pão-de-ló, sonhos, nozes, bacalhau, peru, estrelinhas, bolinhas, anjinhos e pinheirinhos!
E, sobretudo, que os momentos com aqueles de quem gostamos sejam valorizados e saboreados!

segunda-feira, 22 de dezembro de 2008

Hit the road, Jack...

O título não tem muita relação com o que vou escrever,mas tinha a música na cabeça e apeteceu-me "cantablogá-la"!

Isto de ser mulher ao volante tem as suas vantagens! Há tempos, em conversa com a minha caríssima, dizia-me ela que, sendo mulher, os homens a deixavam passar nos cruzamentos, que a deixavam entrar na via principal e que ainda sorriam...
Eu, com duas semanas de carta, hoje constatei isso mesmo! Ia a sair do estacionamento da CGD e depois do pisca para a direita, espero que uma alminha caridosa me deixe passar para seguir a minha direcção... Um moço bem jeitoso na casa dos 20 deu-me sinal de luzes, deixou-me passar e sorriu! Eu retribuí o sorriso e agradeci o gesto; logo de seguida lembrei-me da caríssima e da nossa conversa!

Num cruzamento, a situação repete-se... Assim, está mais que provado que ser mulher e estar ao volante provoca a simpatia do sexo masculino! Que seja sempre assim!

domingo, 21 de dezembro de 2008

Ainda o café junto...

A propósito do café junto escreveu Goldenlight:

"Ora bem, penso que não há nada mais a dizer, não é comunidade feminina? Todas nós sabemos que quando eles querem café não é de certeza para nos contarem que a mãezinha lhes ofereceu um par de meias no Natal passado. É mesmo para entornar o café... Ahahahahah"

domingo, 14 de dezembro de 2008

Querido Pai Natal,

eu sei que tu nesta altura tens imenso trabalho a comprar os presentes da criançada toda, mas, se não for pedir muito, tira uma meia-horinha para mim e satisfaz os meus pequenos caprichos! Ei-los:





-A viagem do Elefante, José Saramago
-História da Literatura Grega, Albin Lesky
-Paideia, Werner Jaeger


ou




e

Rélógio Swatch (que me anda a namorar há muito tempo) e um anelzinho CK!

Pronto, Pai Natal, não pedi muito! Se puderes deixar-me isto debaixo da árvore eu agradeço!
E sim, sempre que pude, fui uma menina muuuuuuuito bem comportada!

sexta-feira, 12 de dezembro de 2008

Alívio

A alínea correcta foi a B! Oficialmente sou uma condutora. Depois de muitos nervos e de um quase-ataque-de-choro estou aqui felicíssima e de chaves do carro na mão! :)

Para além disso, descobri a quem saio...Mas isso fica para um próximo post!

quarta-feira, 10 de dezembro de 2008

Impasse

Dentro de 12 horas:
A)Estou excessivamente frustrada
B)Estou exultante de felicidade



Depois anuncio o resultado! Wish me luck!

Acabou-se a minha paz...

Quando eu penso que finalmente a novela mexicana em que a minha vida se transformou está prestes a chegar ao fim, chega o Argumentista e altera o guião. Entrou nova personagem. As relações estabelecidas entre as personagens não estão muito claras neste momento...! Que seja o que Deus quiser...

sábado, 6 de dezembro de 2008

Vénus & Marte

Vénus e Marte...que é como quem diz "Mulheres e Homens"! Desde há sensivelmente dois anos que a minha personalidade e maneira de estar em relação ao elemento masculino tem mudado. Olhando para o que eu era e para o que sou, noto uma diferença enorme.
Vejamos o seguinte - até 2007, eu (ainda) acreditava:
-em Sapos que se transformam em Príncipes Encantados;
-em homens-heróis, aqueles que estão lá quando é preciso;
-que o romance e a doçura do início das relações estaria sempre presente;
-que ia casar (devia estar louca ou andava a comer gato por lebre!) com o 1º namorado que tivesse;
-que as relações, mesmo que não fossem eternas, seriam para sempre guardadas num baú pequenininho que temos dentro do coração;
-que não podia haver amor sem sexo e que era impensável que tal acontecesse;
-que era impossível esquecer a pessoa por quem, um dia, nos apaixonámos.
Depois de 2007 e até à actualidade:
-não há Príncipes, só Sapos (e daqueles que passam o dia todo a fazer FROG FROG e a comer moscas);
-nenhuma relação é eterna;
-os homens são cobardes e não gostam de dizer a verdade;
-as mulheres são chatas até dizer chega: fazem trinta por uma linha até saturarem o moço;
-com os homens (aqueles seres fofos e pouco confusos) há uma maneira simples de agir e que não lhes dá um grande nó no cérebro: "Queres, queres; não queres vai-te embora";
-no início da relação é só mensagens, emails, frases fofinhas; depois isso passa e o "meu chuchu", "meu bolinho de bacalhau" esfuma-se no ar;
-há sexo sem amor;
-aprendi a diferenciar amor de paixão/desejo/atracção - estes estão todos no mesmo saco;
-tive o meu 1º namorado (o Hermes) e felizmente que o mandei dar uma volta.
Contudo, em relação a essa personagem caricata da minha vida (a.k.a. novela mexicana interminável), há algo que se destaca: se, por um lado, foi uma das grandes desilusões que tive, por outro foi o melhor que me podia ter acontecido pelo simples facto de ter aberto o olho, de ter deixado de idealizar cenários românticos em que os Príncipes são maravilhosos e de ter encarado a vida de uma outra maneira. Pés bem assentes no chão, cabeça a raciocinar.

E igualmente importante: nada disto me tornou amarga, insensível, frustrada. Apenas forte e a aprender a encarar a vida de uma forma mais leve, mais relaxada. E tendo a certeza que se hoje chove, amanhã o sol está aí à espreita e estás nas minhas mãos absorver essa energia.


Se era tímida? Demasiado. Agora? Igualmente, mas muito menos. Com muito mais "lata" (diferente de vergonha na cara) e a abominar comportamentos de mulherzinhas frágeis e que querem que os palermas (os homens!) andem atrás delas com paninhos quentes. Isso não acontece. Cada um tem o seu jogo.

Exemplo: Marte tenta conquistar Vénus. Ao início estabelece vários contactos interplanetários; consegue permissão para visitar o planeta e acha que já é facto adquirido. Vénus, atraída, ainda volta à comunicação, mas Marte "não está nem aí". "Pois bem, pensa Vénus, mandei-te uma sms interplanetária ontem e anteontem. Hoje é a tua vez, Marte fofo. Mandas,óptimo; não mandas, não sou eu que vou mandar! Quando te lembrares, a rede intergaláctica está activa".

Ensaio Sobre a Cegueira

Vi o filme uns dias depois da estreia. Gostei. Mas não há nada como o talento de Saramago e o prazer de ler um bom livro (ainda mais chocante do que na película cinematográfica, descrições impressionantes, maravilhosas) e de imaginar, colocar a caixinha mágicas das ideias a funcionar, a idealizar cenários, personagens, sentir as emoções que só a mente nos oferece!

quinta-feira, 4 de dezembro de 2008

Foi tão bom chegar a casa e ver umas chaves pousadas em cima da mesa e um carrinho na garagem...

quarta-feira, 3 de dezembro de 2008

"Há quanto tempo não te arde o coração?"
[Fazes-me Falta, Inês Pedrosa]

Um toque de maldade

video

terça-feira, 2 de dezembro de 2008

segunda-feira, 1 de dezembro de 2008

Pontos nos i's

A M. decidiu que deixou de tolerar os restos de comida que sobrou para deixar em banho maria e exige distância mínima de segurança. É assim mesmo que se começa Dezembro até porque estamos a caminho de começar um ano novo e precisamos de mudança.
Bom feriado.

domingo, 30 de novembro de 2008

Memoires

Já tenho saudades de ouvir a famosa frase


"Oh moça, está louca?"

sábado, 29 de novembro de 2008


O fruto proibido é o mais apetecido.

quarta-feira, 26 de novembro de 2008

I feel...


empty.

Fim-de-semana

Estou de volta de um fim-de-semana passado na Suíça...

Temperatura de 2ºC.

Neve.

Família.

Passeio.

Compras.

Adios...


segunda-feira, 24 de novembro de 2008

Momento de poesia

Iremos juntos separados,
as palavras mordidas uma a uma,
taciturnas, cintilantes
- ó meu amor, constelação de bruma,
ombro dos meus braços hesitantes!
Esquecidos, lembrados, repetidos
na boca dos amantes que se beijam
no alto dos navios;
desfeitos ambos, ambos inteiros,
no rastro dos peixes luminosos,
afogados na voz dos marinheiros.



Eugénio de Andrade

domingo, 23 de novembro de 2008

Um post que vale a pena ler...

Está no blog da T. e está fantástico! Então o desenho...é uma cópia da realidade! Camisa às riscas, cabelo loiro, sobrancelhas castanhas e nariz grande. A este correspondem duas características:
a)questões fisionómicas (esqueçam a parte em que o povo diz que homem que tem nariz grande tem outra coisa grande...!);
b)Pinóquio - se ele continuar a mentir assim, qualquer dia o nariz mede mais que o 1993 m de altitude da Serra da Estrela!


Para ver aqui: http://oursecretsss.blogspot.com/ !

(Ah! E para quem não percebeu, estamos mesmo a falar do Hermes!)

Ai tantos Miguéis Veloso...

Deve ser uma praga! Estava eu ontem à noite num afamado espaço de diversão nocturna quando, de repente, olho para a esquerda e deparo-me com um pseudo-Miguel Veloso. Olho para a direita e zás! Outro pseudo-Miguel Veloso! E, já aterrorizada, olho para trás e ...eh pá! Mais um!
Depois havia uma variante: o brinco (argola) na orelhita - a Goldenlight diz que é a "versão boizinho"! Sinceramente, já não há originalidade neste país...




P.S: A falta de originalidade faz-me lembrar o Hermes, que me prometeu figos e ofereceu (mini-)diospiros à ex-amiguinha!

quarta-feira, 19 de novembro de 2008

And even with broken wings, sometimes you find your way to fly..
I can be - Taio Cruz


terça-feira, 18 de novembro de 2008

Midnight Poison

Está provado que a culpa do nosso poder de sedução (meu e da M.) se deve ao perfume que usamos: Midnight Poison, da Dior. É absolutamente delicioso, envolvente, suave...

domingo, 16 de novembro de 2008

Sunday thought

"If you don't know me by now
You will never never never know me..."
Música: If you don't know me by now - Simply Red

sábado, 15 de novembro de 2008

Transmissão interrompida

A Direcção informa que a Novela Mexicana vai ser retirada do ar. Já não se gravam mais episódios. Já não há mais cenários nem cenas inesperadas. Parece que a protagonista decidiu abandonar o projecto. Estúdios vazios e o resto do elenco despedido.
Foi a decisão mais acertada, digo eu!

Ups...pé n'argola

Não podia deixar de mencionar neste Blog a noite de ontem. Como tal, deixo aqui umas passagens...
Estavam Goldenlight e Voluptia prontas para guardar as suas malas no bengaleiro quando dois atrasados mentais se atravessam na frente delas pensando que ninguém os viu. Azar o deles porque Goldenlight apercebeu-se disso, e estava a ficar irritada porque viu os pombinhos com sorrisinhos de cumplicidade de palermas que não gostam de ir para o fim das filas de espera, então sai-se com esta:
- A mim parece-me que vocês não estavam na fila... Foram apanhados! - e faz sinal de "Toca a andar daqui p'ra fora!".
A meio da noite, numa das tentativas de G. e V. para atravessar o estabelecimento ocorre um diálogo no mínimo duvidoso (e aposto que ninguém vai descobrir do que se trata):
V. - O que é que foi?!
G. - Pegada na polpa!
V. - Agora estiveste bem!
Mas que raio querem com isso? E quando uma pessoa olha para trás não foi ninguém! É a parte mais frustrante...
Bem e para terminar em grande deixo aqui uma pergunta: ...E quando não aprendemos com os nossos erros?

Toma lá que já almoçaste!

Isto podia perfeitamente ter sido feito por mim e pela Goldenlight, mas como não somos raparigas casadas (nem tencionamos sê-lo nos próximos anos)...

O TRATAMENTO DO SILÊNCIO

Um casal estava a ter alguns problemas em casa estavam a dar um ao outro tratamento de silêncio. De repente, o homem lembra-se de que no dia seguinte vai precisar que a sua mulher o acorde às 5:00 da manhã pois têm um voo de negócios. Não querendo ser o primeiro a quebrar o silêncio ( e PERDER), ele escreve num papel , 'Por favor acorda-me às 5 da manhã'.
Ele deixa o bilhete onde sabe que ela o encontrará. Na manhã seguinte,o homem acorda e descobre que já são 9h e que perdeu o voo. Furioso,levanta-se e quando ia ver porque é que a mulher não o acordou, repara num pedaço de papel deixado na cabeceira da cama. O papel dizia, 'São 5:00 horas. Acorda!'

Os homens não estão equipados para este tipo de concursos.

quinta-feira, 13 de novembro de 2008

Mexican Novel - 3rd and 4th episodes

3rd episode
O terceiro episódio da saga de V. já deu! E, sucintamente, há um afastamento entre a protagonista e o actor latino. Contudo, continuam a falar, mas mantendo um low profile! Depois de um olhar da serpente da AMN, V. pensa em retirar as tropas do campo inimigo, mas acaba por não o fazer.
4th episode
V. e o actor latino assinam a paz com um café junto e voltam às boas, mantendo sempre o tal low profile. Enquanto V. e actor latino mantêm um diálogo, sem que esta saiba, surge quem não devia! V. nem olha, despede-se e simplesmente sai dali a pensar "Fó**-**! Que azar!"

quarta-feira, 12 de novembro de 2008

Café Junto

Há uns tempos, a minha caríssima Goldenlight referiu a expressão maravilhosa "café junto", prometendo uma definição num momento posterior e ei-la! É hoje que será desvendado o seu significado fazendo algumas referências de carácter histórico.
Ora a história de "café junto" remonta ao ano de 2007, enquanto ainda nos encontrávamos no Ensino Secundário. Voluptia, Goldenlight, J. e Nokas conversavam sobre os potenciais pretendentes, que as convidavam para tomar café. Contudo, as doutas jovens sabiam perfeitamente quais as intenções dos cavalheiros (Ups! O último que conheci com este apelido era um desastre...!): passar para uma - potencial - amizade colorida que implicaria, por si só, um contacto mais próximo (daí o 'junto').
Por isso, sempre que forem convidadas para um cafézinho tenham cuidado porque pode ser junto de mais e entornar a chávena!! (LOL)

domingo, 9 de novembro de 2008

It feels so good to be bad.
(Não é Voluptia?)

sexta-feira, 7 de novembro de 2008

A irresistível tentação...

Sempre que abro o Olá5 e vejo o dito da AMN, dá-me uma grande vontade de rir. Mas daquelas mesmo grandes. Como diria alguém que eu conheço, não deve nada à beleza (1) e pode fazer par com o AHN(2), que por acaso não é o actor latino mais em voga no momento.
E agora perguntam vocês:
"Oh Voluptia, por que te ris, rapariga?"
E eu respondo: fotografias desfocadas, desactualizadas (esta nem Goldenlight entende!), expressões vulgares (Ah! Manda lá mais um beijinho para a máquina!), falta de estilo ("Ai que giro o meu boné dourado ou prateado! É do mais fashion que há!"), português incorrecto (isso acaba comigo!)... Ah? E já falei na falta de beleza? Há algo de inestético ali... Sinceramente...deve ser uma imagem abstracta...mas mesmo muuuuuito abstracta!

(É fútil sim senhor. Mas apetece-me.)

quinta-feira, 6 de novembro de 2008

Tic-tac-tic-tac

Amigos, faculdade, testes, publicidade, empresas, metáforas organicistas, estratégias comunicacionais, marketing, públicos, produção excessiva, Deutsch, tabelas dinâmicas, bases de dados, Español, casa, trabalhos, estudo, English, ginásio, Natal, prendas, família, luzes, km e km, jantares e bebedeiras (ou não), caloiros e doutores, linguística, signos, linguagem não verbal e postura, tempo, relógio (tic-tac-tic-tac), noite noite noite, discoteca e bares, maquilhagem e roupa, cabelos e perfumes, quarto, frio, Obama (ahahaha), televisão, música, fim-de-semana, gajos, cortes, dançar, comer, lenços de papel e muito ranho, gripe, dinheiro, festas, vermelho, chuva, e muita muita coisa.
E assim vai a vida... Dia após dia, após dia, após dia...
(Não falta muito p'ra vermos Pais Natais pendurados nas janelas!)

quarta-feira, 5 de novembro de 2008

Would you stick with me through whatever or would you run way?

I know the answer. That's why we must say bye-bye.

terça-feira, 4 de novembro de 2008

Rescaldo de um teste de CC I (Cultura Clássica)

8h - Mp3 nas 'piquenas' orelhas e apontamentos na mão. Vou cantarolando "Tears dry on their own" da Amy Winehouse.
8.30h - Começa o teste. Ainda oiço "Está muito feliz! Só se ri hoje! Vá, faça jus ao significado do seu nome (coragem, para quem não sabe!) e comece o teste!"
10h - Acabo o teste e entrego-o. Sinto-me aliviada.
10.03h - Olho para o dedo e vejo um calo vermelhusco por ter escrito 4 páginas sem parar.
10.30h - Ainda tudo conversa sobre a Ilíada, o "loiro Menelau" e "Zeus detentor da égide". Pelo meio ouve-se falar de Hesíodo e de Trabalhos e Dias.
11h- Tudo come Fitness Chocolate no bar de Letras... Juntam-se os caloiros, doutores, veteranos, colegas e amigos apenas para descontrair e rir um bocadinho...
11.45h - Primeira tentativa para vir para casa.
12.19h - Ainda continuamos no bar, mas decidimos ir almoçar ao Cidade do Porto
12.40h - Delicio-me com um sumo de maçã e morango maravilhoso...

E a meio da tarde, ainda perturbada, desato aos gritos e digo "o loiro Menelau". E é nesse momento que olho pra trás e digo que não quero loiros na minha vida.
Ah! E o calo no dedo ainda cá está...!

segunda-feira, 3 de novembro de 2008

Life...oh life...

Só vim cá dizer que hoje nem tive tempo para respirar... Faltou-me o meu...
MOMENTO DE LAZER!

domingo, 2 de novembro de 2008

Pensamentos

Detesto o Domingo. A sério, é aquele dia em que fico nostálgica e como tal lembrei-me de tempos que me deixam saudades... Lembras-te dos nossos passeios pela Avenida de Gaia? Ou então das nossas tardes passadas em Espinho? Humm, e os nossos almoços no 'Tás Lá? Ah! E as Segundas depois de Psicologia? "Eram x torradas, x finos e dois chás... um preto e um verde por favor".
Recuando no tempo... Inverno, Stm, árvore de Natal gigante à nossa frente, a J. connosco, os flashes da máquina, as gargalhadas, as cusquices e de seguida íamos parar ao Chic com o TP que apanhava a nossa boleia no Rêgo.
Mas recuando ainda mais no tempo, pensa nos dias 13 e 14 e, de seguida, recorda-te onde fomos parar... Dou-te uma pista: o sítio do costume, as músicas do costume, os desabafos de sempre. O Focus, claro!!!
Vá, agora vamos andar só mais um bocadinho para trás, prometo que é o último recuo... O JP. O JP era o protagonista das nossas conversas nos anos 05/06. Era no ginásio, era no Focus, era no Mostarda, era em casa, era no CL, era em todo o lado... Falávamos dele e não só... isto é apenas uma referência, só para te lembrares de tudo o que passou até hoje.
É por estas e por outras que detesto o Domingo...

sábado, 1 de novembro de 2008

Mexican Novel...- second episode



A novela já começou e o primeiro episódio revelou-se um sucesso de audiências com 49% de share! Aqui vai a sinopse (ou uma parte dela...!) do segundo episódio da saga de Voluptia, sempre ajudada por Goldenlight, M. e outras amigas:

Voluptia e Goldenlight conversam:

Goldenlight: Estás lixada. Mesmo.É desta!
Voluptia: E agora, Goldenlight, o que é que faço?
Goldenlight: Hum...
Voluptia: Pronto, é desta que vou começar a ir às aulas de Body Combat do Moto-rato!
Goldenlight: Ou então o M&M vai fazer de segurança!

Assim, Voluptia decide começar a praticar body combat. No meio de calhamaços para estudar e pouco tempo, ainda consegue fazer investigações via sms...

E pronto, por hoje é só! Aqui fica um cheirinho! Não percam o próximo episódio...porque nós também não!!

Só a mim II


Agora sim estão juntos todos os ingredientes para a minha vida se tornar uma novela mexicana... Daquelas que duram e duram e duram...

quinta-feira, 30 de outubro de 2008

Jogos...

Há que saber quando "tirar o time de campo". Chegou a altura de recolher o equipamento.

quarta-feira, 29 de outubro de 2008

Proezas...

Há umas horas, fiquei a saber que fui detentora de uma grande proeza. A saber-se: segundo um amigo do amigo aniversariante, eu consegui ter um copo de fino cheio entre os pés (no chão, obviamente) e levantei-me milhares de vezes sem o derrubar! Fantástico! Ou como diria o nosso amigo "Excelente, excelente, excelente!"... O pior é que eu não me lembro disso (e não bebi)... Parece é que estava a ser observada durante a noite no dito aniversário... Qualquer dia fico famosa e vou ter de começar a pedir ordens de restrição... Ah pois é...

terça-feira, 28 de outubro de 2008

Halloween - Parte I

Segunda-feira, 23horas (mais coisa menos coisa)
Local(virtual!): MSN
Em conversa:Voluptia, Goldenlight e M.


Goldenlight Don't: reunião à pressão
(23:16) M. LOOL
(23:16) Voluptia But you kee: ui!
(23:16) Voluptia But you kee: o q aconteceu agora?
(23:16) Goldenlight Don't: quero discutir o assunto
(23:16) Voluptia But you kee: by the way
(23:16) Goldenlight Don't: halloween
(23:16) Voluptia But you kee: ja domei o **!
(23:16) Voluptia But you kee: onde vamos,pá?
23:16) Goldenlight Don't: tenho uma proposta
(23:16) M.: já?
(23:16) M.: lool
(23:17) Voluptia But you kee: conta!
(23:17) Goldenlight Don't: sala 114 (discoteca nova para quem nao sabe, na zona industrial do porto)
(23:17) Voluptia But you kee: ja!
(23:17) Voluptia But you kee: ja la estou
(23:17) Voluptia But you kee: digam horas e se é preciso mascara
(23:17) Goldenlight Don't: são 7€ a pulseira, e tem uma bebida de oferta
(23:17) M.: é em frente ao mostarda
(23:17) Voluptia But you kee: preciso de levar cornos?
(23:17) Goldenlight Don't: e preciso de saber se tenho de pedir pulseiras ou nao para nós
(23:17) Voluptia But you kee: sim, por mim ok!
(23:17) Goldenlight Don't: porque como é óbvio, temos sempre fornecedores de pulseiras, passes e merdas dessas
(23:17) Goldenlight Don't: LOL
(23:17) Voluptia But you kee: claro
(23:17) Goldenlight Don't: cornos xD
(23:17) Voluptia But you kee: BOAS
(23:18) Voluptia But you kee: pois, agora posso dizer q ja tenho
(23:18) Goldenlight Don't: porra eu só tenho asas e auréola
(23:18) Voluptia But you kee: o HERMES fez o favor de me enfeitar a testa
(23:18) Goldenlight Don't: tiveste! agora ja nao!


E é assim que se fazem as coisas! Mas pra já, pra já, eu e a Goldenlight vamos só ao Gym que está lá uma aula temática (guess what? Halloween!) à nossa espera!

segunda-feira, 27 de outubro de 2008

Un nuevo costumbre...

Chama-se a dança do Boom boom e é extremamente picante! Não vou descrever porque ainda estou traumatizada com o que vi um dia destes em que, por acaso, também me diverti mas não foi com a dança do Boom boom não...

Conversa de Sábado à noite na presença da Associação dos bla bla bla:

(Goldenlight) - Consegues comer enquanto fazes a dança do Boom boom?
(Voluptia) - Sim... - sem por isso disfarçar o ar de marota...
(Goldenlight) - Comigo é assim: ou me concentro no beijo ou me concentro no Boom boom!



Foi uma noite muito produtiva, sem dúvida. O Sensação continua a gostar mais da mota do que da namorada e o Gil passou a ser o suspeito do costume. Encontra-se agora na nossa lista de alvos a abater...
Fico-me por aqui porque nem tudo são rosas e tenho de entregar ainda hoje um trabalhinho.

Guten Abend!

sábado, 25 de outubro de 2008

Frase do dia...

"Não quero o Hermes nem para tapete para o meu cão."
A Minne merece melhor. E eu não gosto de torturar os bichinhos.

sexta-feira, 24 de outubro de 2008

Adenda ao post das botas...

É um querido. E eu fui injusta. Muito. Eu sei. E aqui ficam as desculpas publicamente... :(

Eu chamo-lhe intuição...

Outros chamam-lhe bruxedo e a louca chamar-lhe-ia "toledo".
Só me faltava mais esta. Agora o M quer tomar um café junto (a definição aparecerá em breve em Como enganar um homem em 10 segundos). Admito, pensei em mil e uma hipóteses para me esquivar antes de ele vir fazer a sua pergunta: "Saio sem dizer nada?"; "Fico mais 10 minutos, pronto... É o timing perfeito"; "Vou a correr para o telemóvel pedir um advice da minha caríssima"; "Fico aqui o tempo que estava previsto, afinal eu já respondi tantas vezes à mesma pergunta...".
Três minutos mais tarde lá estava ele a aproximar-se e eu a pensar "Fodasse, Goldenlight, porque é que não bazaste antes?!". O que é certo é que o M mostrou que tem M&M's e que afinal aqueles músculos todos não escondem um franguinho.
P.S- A parte do chocolate não é para enfeitar, era só para não ser grosseira, entendam o que quiserem!

These boots are made for walking...



And that’s just what they’ll do One of these days these boots are gonna walk all over you...





Isto canta a J. Simpson e eu estou com uma grande vontade de pisar alguém. Mas a deixar marca. E só hoje já comprei dois pares de botas... (Ai que eu quero umas Louboutin como as da foto... Ok, volta à Terra, Voluptia...) E essa compra é proporcional ao desejo profundíssimo de esmagar o ** e não deixar um fio de cabelo!

quinta-feira, 23 de outubro de 2008

O mundo está doido...

Ainda estou a tentar encontrar as palavras para os meus últimos 4 dias! Estava eu muito sossegadita no meu cantinho quando, sabe-se lá porquê, a amiguinha do Hermes me adiciona no MSN! "Só me faltava mais esta", pensei eu. Mas decidi ouvir o que ela me tinha para dizer. Lá contou a história: "O Hermes não me liga", "Ai o Hermes está confuso" (Vide Síndrome Floribella), "E contigo também agiu assim?". Agiu sim senhor. E agiu muito mal!
Pensava eu que isto se ficava por aqui, mas não... Ora eu, em vez de ser maldosa (como é típico de ex), aconselhei a moça, mas fazendo sempre a ressalva de que ela é que sabia do que queria para a vidinha dela e que a mim ninguém me apanhava noutra com um gajo daquele tipo!
Agora vem a "grande bronca": Hermes, Voluptia e Amiguinha numa amena cavaqueira! Que fófinhos!!!
Eu lavo as minhas ricas mãozinhas! Eles que se entendam e que me deixem em paz de uma vez por todas que eu não quero ter nada a ver com eles, principalmente com o Hermes. Foi falso? Foi desonesto? Enganou-me? SIM, fez isso tudo.
E tenho dito!

segunda-feira, 20 de outubro de 2008

Muito rapidamente...

É só para avisar os estimados leitores que o dicionário de mitologia do século XXI tem mais uma personagem: o Hades!
Não percam o próximo episódio... porque nós também não!

domingo, 19 de outubro de 2008

Síndrome Floribella - Parte II





Hermes-É agora, já decidi...É contigo que eu vou ficar.

(Vira o disco e toca o mesmo e já diz isto desde há uns meses valentes! Bote sentido na sua vida, senhor Hermes, se não quer que eu lhe aumente o momento de lazer!)

Síndrome Floribella

Como hei-de explicar isto? Lembram-se daquela famosa frase da nossa inesquecível Floribella? "Estou um pouco confusa" (com soutaque, é claro). Pois bem, penso que ela não é a única que sofre deste problema. Na verdade, não conheço mas gostaria de conhecer (apenas por... curiosidade) um ser humano que anda por aí e sofre do mesmo. Não posso revelar a sua identidade, mas que vai dar que falar isso vai.
O Síndrome Floribella é mais perigoso do que aquilo que pensam... Para ser sincera, pode marcar-nos para o resto da vida. É contagioso entre os espécimes da raça masculina e afecta os restantes. A única cura que vejo para nós, mulheres, é mesmo a leitura integral da próxima obra que será publicada (já não digo em breve porque houve uma alteração de planos). Entretanto, fica aqui o desabafo do dia...
E como já dizia o outro... "era tudo bons amigos..."
P.S - Constatámos que o Hermes é realmente um brincalhóne. E mais não digo!

Há coisas que me ultrapassam... - Parte II

Que o HERMES era um brincalhão...isso eu já sabia...
Agora...que as amigas do HERMES também o eram é que já me ultrapassa...
Mas (e agora vem a melhor parte), podem-se juntar todos que eu continuo a ser a mais brincalhona! O pior é quando não me dá para a brincadeira... Aí sim está o caldo entornado!

quarta-feira, 15 de outubro de 2008

Saídas e loucuras

Há noites assim...


... e quando são a dobrar, as tão famosas, apreciadas e veneradas Voluptia e Goldenlight viram do avesso. Foi o que aconteceu semana passada.

"Pra saber se beijas bem não quero as mãos pra nada..." - talvez esta tenha sido uma das frases record daquele fim de semana. Afinal constatámos que não eram mesmo preciso as mãos, vá-se lá saber porquê...

Acabámos a "noite" (8h30) a tomar o pequeno-almoço aproveitando para fazer um apanhado dos acontecimentos mais recentes (e chocantes, confesso) da noite.

Há coisas que me ultrapassam...

Não sei o motivo, mas sinto uma vontade (pequenininha!) de adoptar a minha outra personalidade e divertir-me um bocadinho a fazer de uma espécie de "Robin dos Bosques"! Não, ainda não ando a tirar aos ricos para dar aos pobres, mas também dou algumas lições (com a Goldenlight!)... Ora desengane-se quem pensou que o filme "Como perder um homem em 10 dias" é que era o máximo! Nós temos melhor:

"Como enganar um homem em 10 segundos"´.
E pensar que tudo começou quando uma criatura (do sexo masculino, obviamente) pensou que podia enganar uma mulher! Daí à dita se começar a armar em Miss Detective foi um instante!
E não é que tem jeito?!

sábado, 11 de outubro de 2008

Lembranças de ontem à noite...

Voluptia - Olha um "chocolate"!
Goldenlight - Dá-lhe uma trinca...
Voluptia - Não posso...! Tem papel!!!!

quarta-feira, 8 de outubro de 2008

Musiquinha

domingo, 5 de outubro de 2008

Lembranças...

E por que não ouvir a nossa música?
Tenho o WMP a tocar de modo aleatório. E ela aparece. Mas eu não a mudo. E não é para me lembrar dele. Simplesmente tenho de me habituar a ouvir agora o que já significou muito antes.

sexta-feira, 26 de setembro de 2008

Tempora


Estava na Invicta a olhar o rio há uns longos dias. Os óculos de sol escondiam os meus olhos. Subitamente, e como sempre acontece, a intuição veio ao de cima. Olhei o magnífico Douro e pensei que, não muito tarde, aquelas águas seriam as minhas lágrimas. E, de facto, tal aconteceu posterioremente.

Ainda esta semana, passei por lá e observei a paisagem. A lágrima e a lembrança desprenderam-se do meu coração e decidiram viver.

Mas hoje, mais uma vez repeti o percurso e olhei com naturalidade e sem tristeza as águas do rio que anteviram o meu futuro próximo.


Na cidade...

Eu até sou boa pessoa e respeito a diferença e as escolhas de cada um, mas "não habia nexexidade" de, em plena Avenida (V.Nova de Gaia), se passear uma jovem com uma barriga de gelatina à mostra e vestida (ou deverei dizer "despida"?) como se viesse do Western...

terça-feira, 23 de setembro de 2008

Só a mim...

Depois das tão esperadas colocações na Faculdade, uns amigos ficam longe, outros mais perto. A RP do ano (sim, porque eu errei no curso...) comunica a um pequeno grupo que a despedida do amigo C. será no sábado à noite... Ora confirmadas as presenças, lá chega o dia. Goldenlight e Voluptia (esta à boleia da primeira...) chegam ao local. Estão lá dois dos convidados, um deles não reconhecido por Voluptia, que logo após os formais cumprimentos, num tom um tanto ou quanto alto diz:
-Ó Goldenlight, que é feito do Joaquim Broas?
Ela, escangalhando-se a rir e com uns esgares estranhos diz:
-XIU! É esse que está aí ao teu lado...
Ora bem, isto já é hábito... Quem me manda não reconhecer a cara das pessoas e fazer estas figuras, hum? :)

sexta-feira, 19 de setembro de 2008

É que nem foi preciso muito...

Eu dei a corda.

Quem a apanhou tratou de se enforcar.

quarta-feira, 17 de setembro de 2008

Para pensar...


"What though the radiance which was once so bright

Be now for ever taken from my sight,

Though nothing can bring back the hour

Of splendour in the grass, of glory in the flower;

We will grieve not, rather find

Strength in what remains behind..."
William Wordsworth

I feel...

heartbroken.

Mamma mia



Fui ver e gostei. Das músicas; das interpretações; dos cenários.

Não gostei de pensar nele.

terça-feira, 16 de setembro de 2008


Sinto que me fartei de nadar e que acabei por morrer na praia.